Formação e Mercado


Recursos Humanos em Atenção Básica

Gestão de Recursos Humanos

Dando continuidade à publicação da Coletânea ObservaRH/SP: estudos e projetos, entrega-se o volume 3 – A Formação dos Profissionais Técnicos de Nível Médio: os desafios, os caminhos. Neste volume 3, ora publicado, são apresentados os processos de desenvolvimento e os resultados de duas pesquisas realizadas pelo CEALAG, em parceria com consultores e instituições especializadas, no sentido de contribuir para a gestão de recursos humanos em saúde, em especial, profissionais técnicos de nível médio, na perspectiva do aprimoramento do Sistema Único de Saúde.
O Projeto tem como objetivo estruturar um diagnóstico abrangente da rede de serviços de cinco regiões de saúde do Estado de São Paulo para dar sustentabilidade ao processo deregionalização conduzido pela Secretaria Estadual de Saúde. Serão investigadas a Região Metropolitana de Campinas, o Vale do Ribeira, o Litoral Norte, Itapeva e o Vale do Jurumirim. Essas regiões de saúde englobam 70 municípios que, convenientemente, possuem perfis heterogêneos em termos de porte populacional, condições socioeconômicas e de complexidade de serviços de saúde.
A pesquisa Política, Planejamento e Gestão das Regiões e Redes de Atenção à Saúde no Brasil tem como principal objetivo avaliar, sob a perspectiva de diferentes abordagens teórico – metodológicas, os processos de organização, coordenação e gestão envolvidos na conformação de regiões e redes de atenção à saúde, e seu impacto para melhoria do acesso, efetividade e eficiência das ações e serviços no SUS.

Eixos de Investigação

image
Busca estudar a dinâmica estabelecida entre a formação de profissionais da saúde.
image
Direciona-se à identificação dos mecanismos e estratégias de gestão de pessoal no SUS – São Paulo, nas esferas estadual e municipal.
image
No Município de São Paulo, o Programa Saúde da Família começou a ser implantado em 1996.

Parceiros

SES
FGV
CEALAG